sábado, 31 de julho de 2010

Dois Pesos, Duas Medidas - Judith McNaught (resenha)

Leitura da Semana


Mais uma vez entrei numa DPL (Depressão Pós-Livro), coisa muito comum quando lei livros de Judith McNaught, Julie Garwood e Nicole Jordan. Seus personagens me marcam demais e sinto as alegrias e agonias deles todos. Por vezes fica difícil separar a ficção da realidade! rsrsrs
Depois da leitura fico dias pensando no livro. Durmo, sonho, acordo, medito e penso como seria a história se os  personagens pudessem ter agido diferente em algum determinado momento. Daí, como sempre, chego à conclusão que não daria certo. Coisa de maluca, né? kkk

Mais uma vez Judith McNaught provou ser a "top das tops" de minha preferência. Alguém aí ainda não leu um romance dela? Em caso negativo, corra, tá mais do que na hora de render-se à JM!
Judith McNaught dá um toque refinado aos personagens. O que me mata é que sempre os heróis e heroínas são belissímos, cativantes e extremamente... apaixonantes!!! Os diálogos são sempre mordazes, ora cáusticos, ora divertidos - com ótimas sacadas e timming perfeito!
JM não se prende tanto à descrições de lugares e paisagens, mas é tão clara que os imaginamos de forma perfeita, divagando em meio a cenários quase sempre esplendorosos.
Sabe aquele livro que você quer devorar mas que quando chega no final quer parar pra não acabar logo e perder a magia? Pois é, assim são TODOS os livros de Judith McNaught. Já me arrancaram risos e muito pranto. Marcas profundas no coração... Mas os amo demais!!! JM addict!!!

"Dois Pesos, Duas Medidas" é a tradução do livro "Double Standards". O livro chegou aqui no final de Maio. Outra vez, nossa capa é belíssima, uma verdadeira obra prima! (muuuuito mais bonita do que as capas estrangeiras, digamos de passagem).
___

- O Livro:

Lauren Danner é uma encantadora jovem de "quase" 23 anos que mora numa cidadinha simples, considerada como "do interior". Ela precisa desesperadamente de um emprego que lhe pague bem pois precisa ajudar financeiramente seu pai que está com problemas sérios de saúde. Com a influência do pai, ela consegue uma entrevista com o desprezável milionário Philip Whitworth, primo em sétimo grau da mãe de Lauren e dono de uma poderosa empresa. Mas Philip decide usar Lauren para algo mais perigoso: infiltrá-la nas empresas do grupo Sinco, seu principal concorrente. Lauren não gosta da ideia apesar de precisar desesperadamente do dinheiro. Então, vai à entrevista na Sinco e deliberadamente "detona" seu currículo durante a entrevista. Assim, ninguém poderia contratá-la na Sinco e poderia então pleitear um emprego nas empresas Whitworth.

Mas nem sempre as coisas saem do jeito que a gente espera, não é mesmo? 

Ao sair da entrevista, Lauren resolver cortar caminho por entre a construção de um arranha-céu próximo à Sinco. Logo ela percebe que alguém à segue e em meio aos desepero, corre, acaba caindo e depara-se com Nick. O charmosérrimo homem de cabelos escuros e olhos acizentados logo se propõe a ajudá-la com os ferimentos no joelho e a leva para dentro do prédio em construção, à uma sala já pronta que supostamente seria do presidente da empresa.
Lauren cree que Nick  é um mero engenheiro que trabalha no prédio, dado às roupas casuais e ao jeito descontraído que a trata. E ela fica atraída por ele...
Como havia destruido propositalmente suas chances  de trabalhar na Sinco, ficou levemente pesarosa pois perdera a chance de trabalhar no prédio próximo ao de Nick e assim poderia não mais o ver.
Ledo engano. No dia seguinte ela recebe um telefonema dizendo que precisam de alguém com as qualificações dela para trabalhar na Sinco. Incrédula, ela descobre que seu "recém" amigo engenheiro, Nick, havia mexido os pauzinhos para que a contratassem. Ela fica radiante mas apreensiva pois Whitworth queria que ela espionasse a empresa, coisa que jamais ela iria fazer.

Os caminhos de Lauren e Nick logo começam a se cruzar. Até que passam uma única noite juntos... e no dia seguinte ele a "descarta" delicadamente. Ele some e Lauren entrega-se de corpo e alma ao novo trabalho, ganhando não só a confiança e amizade de Jim, seu chefe lindinho, como vários outros admiradores de sua beleza física.
Quando a dor dela já amenizava e sua confiança voltava ao normal ela descobre acidentalmente que Nick Sinclair nada mais é do que o presidente da empresa em que ela trabalha! Fuzilando, ela passa a odiá-lo a cada minuto e promete vingar-se da forma mais cruel possível: com aparente alegria e total indiferença!

Daí pra frente, não faltam diálogos ferozes entre Lauren e Nick. Lauren consegue conquistar o respeito da durona secretária de Nick, a velha senhora Mary e Jim passa a ser seu aliado nessa "pequena" vingança.
Sendo vista por Nick como um mero "troféu" na disputa que ele trava com Jim, ele faz de tudo para tirá-la de sua aparente postura de indiferença. Não faltam beijos roubados à força, situações hilárias e desconcertantes.

Mas como todo bom romance de Judith McNaught, quando tudo parece ser um "mar de rosas" sempre tem um vilão safado (neste caso Whitworth) que dá as caras pra estragar essa felicidade.
Envoltos numa trama de vingança e ambição, ambos sofrem as consequências da mentira (ou seria omissão?) de Lauren. Apesar de Nick estar cego de fúria por ter sido traído por seu amor, Lauren prova mais uma vez que é muito inteligente e que nunca poderia trair o homem que amava, mas que agora a tratava com tanto desprezo.
_______

- O Livro

Dois Pesos, Duas Medidas
Autora: Judith McNaught


Editora: Betrand Brasil
Assunto: Literatura Estrangeira - Romances
Tradutora: Ana Beatriz Manier
ISBN: 8528614301
ISBN-13: 9788528614305
1ª Edição - 2010


- Sinopse:

Nick, o bonito e inteligente presidente da Global Industries, conduz seus negócios do mesmo modo que trata suas mulheres - com charme, ousadia e pulso firme. Ao contratar Lauren Danner, ele, que sempre esteve no controle das situações e conseguiu todas as mulheres que desejou, vê-se perdidamente apaixonado por sua nova e difícil funcionária. O que Nick não imagina é que Lauren esconde um segredo que, se vier à tona, transformará sua vida para sempre. Presa nessa teia de falsidades, Lauren luta para não perder Nick, homem por quem ela está apaixonada e que lhe prometeu uma vida de amor e devoção.
___

- Na Aba:

Homem de viril beleza, Nick Sinclair, presidente da Global Industries, comando os negócios da mesma forma como faz com suas mulheres - com charme, ousadia e implacável autocontrole. Acostumado ao que há de melhor, ele contratou Lauren Danner e supôs que a orgulhosa beldade logo seria mais uma conquista fácil. No entanto, a brilhante inteligência e a rara energia da jovem o deeslumbraram. Aos poucos, contra sua vontade, ele se vê intrigado, desafiado e... apaixonado.
Entretanto, Lauren vive uma mentira, uma farsa que se torna mais perigosa a cada momento. Seu segredo pode destruir a frágil confiança de Nick - e a promessa de um futuro com o homem mais irresistível que ela já conheceu...

Neste inesquecível romance, Judith McNaught, uma das maiores bestsellers da atualidade, levará o leitor a um mundo exclusivo e arriscado de paixão e trapaça, onde dois superastros dos negócios travarão uma furiosa luta pelo poder.

"Tensão romântica, vigorosa e sensual... Excelente... Impossível largar o livro. Leitura obrigatória "
Romantic Times

"Judith McNaught é, com certeza, a mais fascinante contadora de histórias da atualidade."
Affaire de Coeur
_______

- Outras Capas:



Para quem realmente gosta de Judith McNaught, não deixe de conferir as capas deste link:
http://www.mybgarden.com/jmn/zrom.html


_______

- Partes Muitíssimo Interessantes:

Que tal um pouquinho dos diálogos super-afiados de "Dois Pesos, Duas Medidas"?

- O que acontece se esta sandália se encaixar?
- Eu o transformo num sapo. - ela disse, irônica.
(Nick e Lauren - pag 9)
___

- Lauren, esta viagem está se tornando um pouco solitária do meu lado do carro. Em que está pensando?
(...)
- Se eu lhe dissesse, ia matá-lo de medo.
(Nick e Lauren - pag 70)
___

- Assim que alguém começar a falar com você sobre negócios, interrompo-o e finjo distrair você.
Nick baixou os olhos para os lábios dela.
- Não deve ser difícil... você sempre me distrai.
(Lauren e Nick - pag 84)
___

- Lauren?
Ela engoliu em seco.
- Sim?
- Gostaria de comer primeiro?
- Primeiro - ela sussurrou rouca - ... antes do quê?
- Antes de sairmos para velejar - respondeu Nick, examinando-a perplexo.
- Ah, "velejar"! (...) Sim, obrigada, adoraria comer primeiro. E adoraria velejar.
(Nick e Lauren - pag 96)

Até eu engoli em seco... rsrsrs
___

- O que eu queria dizer - esclareceu trêmula - é que ainda não estou pronta para... para ir pra cama.
- Esperei uma eternidade por você, Lauren. Não me peça para esperar mais.
(Nick e Lauren - pag 107)
___

Ouviu atrás de si um sussurro (...) Jim viera juntar-se a ela.
- Como estou me saindo até agora? - perguntou, forçando uma alegre leveza na voz.
- Está se saindo muito bem - escarneceu a voz indolente de Nick - Já quase me convenci de que sou invisível.
(...) Lauren virou-se devagar, tentando raciocinar.
(Lauren e Nick - pag 139)

Putz! Era o Nick e não o Jim!
___

- Para onde vamos?
- Para a minha casa, ou para a sua, não faz diferença.
- Por quê? - ela perguntou, obstinada.
Nick virou-se e olhou-a.
- Para uma garota inteligente, trata-se de uma pergunta muito idiota.
A irritação de Lauren explodiu (...)
(Nick e Lauren - pag 141)
___

- Não fale comigo assim... não quero parte alguma de você.
- Sua pequena mentirosa. Você quer "cada pedacinho" de mim.
(Nick e Lauren - pag 150)

Convencido, hein!!!
___

- Então é assim que vamos jogar, é?
- Jogar o quê?
- Esse joguinho que começamos ontem.
- Não estou participando do seu jogo - ela respondeu com tranquila firmeza. - Não quero o prêmio.
(Nick e Lauren - pag 164)

Se ela não quer, dá pra mim! Eu quero o Nick!!! kkkk
___

- "Eu" preciso de você, doçura. Sabe que desde que cheguei...
- Não ouse me chamar de "doçura" - ela explodiu (...)
- Por que não? (...) Você é doce.
- Vai mudar de ideia se tornar a me chamar de doçura. - prometeu ela.
(Nick e Lauren - pag 168)
___

- Por que não pode apenas admitir que me quer e aproveitar as consequências?
- Tudo bem - disse ela, com ar infeliz. - Você venceu. Eu quero você... admito. - Viu o brilho fugidio de triunfo no olhos dele e ergueu o queixo. - Quando eu tinha oito anos, também quis uma macaquinha que vi num petshop.
O triunfo esvaiu-se
- E? - suspirou Nick, irritado, soltando-a.
(Nick e Lauren - pag 175)

Essa Lauren é das minhas! Porreta!!!
___

- Mary, como anda a atmosfera aí em cima esta manhã?
- Sem a menor dúvida, explosiva. - ela respondeu rindo.
- Nick vai estar no escritório à tarde?
- Vai, por quê?
- Porque decidi acender um fósforo e ver o que acontece.
(Jim e Mary - pag 198)

Ah, o Jim é um fofo!!!
___

- Aliás - ele começou (...) - a repórter de uma revista me telefonou esta manhã. Sabem quem você é e que vamos nos casar. Quando a matéria for publicada, receio que a imprensa vá começar a persegui-la.
- Como descobriram? - arquejou ela.
Nick disparou-lhe um radiante sorriso.
- Eu contei.
(Nick e Lauren - pag 244

Acho que nem mesmo a Lauren sabia que iam casar... rsrsrs
________

- Meus Comentários:

Neste romance, Lauren (a "mocinha") prova muito bem que pode dobrar e domar o depravado Nick Sinclair (o hotíssimo "mocinho"). Pela primeira vez em tempos, vi uma heroina que "quase" inocentemente faz de gato-e-sapato o herói sedutor.
Nick e Lauren formam realmente uma dupla explosiva!

No começo Lauren parece uma garota ingênua, mas na verdade mostra-se uma jovem mulher muito inteligente e cautelosa.
Já Nick, você começa a amá-lo por seu jeito sedutor e delicado de agir com Lauren. E no instante seguinte, passa a odiar esse charmoso crápula de olhos acizentados! Mas quando ele começa a fazer de tudo pra ter Lauren, bom, as nossa barreiras vão ruindo aos poucos e logo percebemos que estamos de quatro por ele... rsrsrs

Adorei as sacadas de Lauren com seu humor mordaz e lingua afiada, assim como o sarcasmo e o temperamento ora ardente ora despretencioso, ora sombrio do mulherengo e d-e-l-i-c-i-o-s-o Nick.
IMPOSSíVEL não se apaixonar por estes personagens. Principalmente pelos magníficos heróis que fazem de tudo (entenda-se: TUDO MESMO) para conquistar ou dobrar as arredias "heróinas" rsrsrs. Fala sério, não é ótimo ter um homem que "realmente sabe o que quer"??? rsrsrs Atitude é tudo!!! kkk
(Apesar de apaixonada por Nick Sinclair, tenho que confessar que amo mesmo e ainda perco o sono pelo Mitchell Wyatt de "Todo Ar Que Respiras"...)

Em "Dois Pesos, Duas Medidas", os diálogos são diretos, afiados, refinados, e recheados de ótimas sacadas e "alfinetadas". É uma leitura que flui, corre rápida e te consome a cada capítulo.
Como só leio no silêncio da noite, varei a madrugada de tão empolgada com o livro!

Desde já posso considerá-lo como a melhor leitura do ano!!! (pelo menos até agora).

Uma coisa pra mim não ficou clara: Afinal, havia ou não um informante na empresa do idiota do Whitworth?

Corre ler que vale a pena! E como vale!!!
___

- Partes Interessantes:

- Quando Nick socorre Lauren e a leva para seu escritório pela primeira vez (é nessa hora que Nick se transforma num sapo... kkk)

- Quando Lauren é obrigada a trabalhar para o Nick (os diálogos são inteligentes e afiadíssimos!)

- Quando Jim resolve armar pra cima do Nick (eu estava esperando a hora em que Nick fosse socar o Jim... coitadinho... rsrs)

- Quando Lauren se demite... niguém esperaria pelas consequências... Uau! (parece que Nick ficou de TPM!!! kkk)
___

- Lembrete:

E pras JM Addict como eu, parece que "Whitney, Meu Amor" (outro sucesso de Judith McNaught) vai ser reimpresso pela BestBolso.
Em Abril deste ano, os posts das terças-feiras (Hot Romances) foram sobre os livros da Judith McNaught. Aproveitem pra conferir! ;-)


Minha Nota: 10, 10, 10!!!!


Agora vou curtir minha DPL... 

3 comentários:

Lulu Sempre Romantica disse...

Oie linda!

Ótima resenha, eu amo Judith McNaught

Beijos

Luka disse...

Amei sua resenha.
Super completa e viciante.
Eu queeeero ler !!!!!
Bjs
Luka.

Vick disse...

Ái!!! Eu amo Judith McNaught!!!!
Leiam meninas. Vocês vão ficar alucinadas!!! rsrsr

Bjs,
Vick

Mais Resenhas!

Resenha - Romances de Época

Na Prateleira

Postagens Mais Vistas

Paixão Por Livros nas Redes

Paixão Por Livros nas Redes